• Para acessar cursos EAD em andamento clique aqui
  • Ligue para a Vero 21 99851.9166

Cursos presenciais

COMO ELABORAR PROJETOS E CAPTAR RECURSOS DA UNIÃO

período do inscrições
de 29/11/2021 até 08/02/2022
data do curso
de 17/02/2022 até 18/02/2022
valor total do investimento
R$ 16,75
vagas
6
informações sobre o curso
O Orçamento Fiscal e da Seguridade Social da União destina anualmente valores próximos a 11/12 bilhões de reais para financiar projetos/planos de trabalho de entes públicos, entidades públicas e entidades privadas sem fins lucrativos com recursos transferidos voluntariamente pelos órgãos da administração pública federal.

Somam-se a esses 11/12 bilhões, outros 16/17 bilhões de reais do Orçamento da União, vinculados a emendas parlamentares, que também se destinam a financiar projetos de governos municipais e de entidades privadas sem fins lucrativos por meio de convênios, termos de colaboração e instrumentos similares.

Portaria Interministerial nº 424, de 30 de dezembro de 2016, incluídas alterações até esta data, determina as normas para elaboração e encaminhamento aos órgãos da administração pública federal desses projetos e planos de trabalho .

Este curso da VERO Gestores de natureza teórica e prática orienta entes públicos, entidades públicas e entidades privadas sem fins lucrativos quanto às condições gerais a serem cumpridas para elaboração e encaminhamento à União de propostas e planos de trabalho aptos a captar recursos da União.

Os participantes do curso simulam a elaboração de projetos e planos de trabalho e o seu registro na Plataforma +Brasil, módulo de transferências voluntárias de recursos financeiros da União (SICONV – Sistema de Convênios com a União).

Objetivo:
Desenvolver conhecimentos e habilidades relacionados com a elaboração e o encaminhamento de projetos e planos de trabalho aos órgãos da administração pública federal para celebração de convênios, contratos de repasse, termos e fomento e termos de parceria com a União, respeitadas as normas que regem essas transferências voluntárias de recursos financeiros.

Tópicos do curso:
I. Normas para elaboração de projetos e planos de trabalho
- Componentes necessários da proposta de trabalho
- Componentes necessários do plano de trabalho

II. Referências básicas para elaboração de propostas e planos de trabalho
- O que deve orientar a elaboração de propostas e planos de trabalho
- O que deve ser observado na elaboração de propostas e planos de trabalho
- O que é considerado na aprovação de propostas e planos de trabalho pelos órgãos da administração pública federal

III. Anotações sobre componentes da Proposta de Trabalho
- Elementos de Justificativa - comentários
- Caracterização dos interesses recíprocos
- Relação entre a proposta e os objetivos e diretrizes do Programa
- Público Alvo
- Problema a ser resolvido
- Resultados Esperados
- Objeto
- Capacidade técnica e gerencial para execução da proposta
- Informações complementares

IV. Anotações sobre componentes do Plano de Trabalho
- Dos elementos de justificativa e do objeto do plano de trabalho
- Cronograma físico: Metas e etapas do plano de trabalho
- Cronograma de desembolso
- Plano de aplicação dos recursos do plano de trabalho
- Anexos e informações complementares

V. Elaboração simulada de proposta e de plano de trabalho
- Referências gerais para o exercício simulado
- Trabalho individual e em grupo
- Análise do exercício e decisões
- Consolidação das decisões sobre a proposta e o plano de trabalho simulados
- Preparação do material a ser registrado na Plataforma +Brasil

VI. Simulação de registro e encaminhamento de proposta e de plano de trabalho
- Funcionalidades e telas específicas de registro e encaminhamento de proposta e de plano de trabalho na Plataforma +Brasil
- Registro da proposta simulada
- Encaminhamento da proposta simulada
- Registro do plano de trabalho simulado
- Encaminhamento do plano de trabalho simulado

VII. Revisão geral dos conteúdos abordados no curso

Inscrição no curso:
A inscrição no curso inclui, ademais, (i) opção de participar de grupo tira dúvidas operacionais do Sistema de transferências voluntárias de recursos financeiros da União, via whatsapp, exclusivo para alunos de cursos da VERO, (ii) certificado de curso de atualização, e (iii) almoço nos dias e local do curso.

Público do curso:
O curso destina-se a gestores e servidores de entes públicos, entidades públicas - governos municipais e órgãos da administração pública indireta municipais -, pessoas de entidades privadas sem fins lucrativos e consultores que atuam na área de projetos.

Carga horária:
09:00h às 17:30h nos dois dias de curso.

Número de participantes:
até 6 participantes por turma.

Inscrições e seu pagamento:
Para proceder à inscrição no curso e seu pagamento, siga estes passos:
- clique em Fazer Inscrição nesta página, abaixo desta apresentação do curso;
- Preencha o formulário de inscrição e clique em Enviar
- Escolha a forma de pagamento e confirme a sua inscrição.

Nota de Empenho:
Entes públicos e entidades públicas poderão confirmar a inscrição de seu pessoal mediante apresentação de Nota de Empenho.

Informações adicionais:
- contato@verogestores.com.br
- telefone: (21) 2609 5326

fazer inscrição


Instrutor

Nilton Almeida Rocha

Mestrado em Educação pela Fundação Getulio Vargas/Instituto de Estudos Avançados em Educação/RJ – registro profissional no Conselho Federal de Educadores e Pedagogos (CFEP) nº 19.001.065. Cursou Ciências Sociais e Filosofia na Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras da Universidade de São Paulo, exercendo a função de assistente da cadeira de Teoria do Conhecimento em 1967/1968 no curso de Filosofia. Graduado em Filosofia e Teologia pelo Seminário Teológico da Igreja Episcopal do Brasil. Fez Curso Livre ministrado por Paulo Freire, no Foyer Knox/Genebra/Suiça, em 1972. Coordenador técnico do primeiro convênio do Ministério do Planejamento, Organização e Gestão, em 2008/2009, para formação dos primeiros multiplicadores de conhecimento do SICONV nos governos municipais do país. Consultor contratado pelo Banco Mundial e pelo BID para apoiar Programas de Desenvolvimento Institucional de Governos Locais, tendo atuado em países da América Latina e da África. Consultor de programas de desenvolvimento institucional de países africanos de língua oficial portuguesa – PALOP´s – no âmbito de cooperação técnica do governo brasileiro, Agência Brasileira de Cooperação do Ministério das Relações Exteriores, nos anos de 1996 a 1998. Organizador e autor de livros sobre administração pública municipal no Brasil. Foi editor executivo da Revista de Administração Municipal – RAM – de 1999 a 2010.